Consumo regular de peixe reduz risco de Alzheimer

Uma recente pesquisa publicada em 2009 na renomada revista American JournalofNutrition, investigou o padrão de consumo de peixe numa população de 15 mil idosos na China, Índia, Cuba, República Dominicana, Venezuela, México e Peru e trouxe ótimas notícias para quem consome peixe regularmente. 

Os resultados mostraram que o consumo de peixe está associado a um menor risco de demência, sendo sua principal causa a doença de Alzheimer. E o grande responsável por isso, adivinhem só, novamente o ômega 3, por possuir atividade anti-inflamatória, neuro-protetores e antioxidantes.

Além disso, os peixes possuem ótimas doses de vitaminas A, D e E, além de niacina e ácido pantotênico, sódio, magnésio, cálcio, manganês, ferro e potássio.

Companhia da Mídia